MC Gui perde contratos após rir de criança fantasiada em vídeo

CLAUDIA – O cantor MC Gui se envolveu em uma grande polêmica durante uma viagem à Disney. O cantor publicou em suas redes sociais um vídeo em que aparece rindo de uma criança fantasiada em um trem para o parque temático. Nas imagens, agora deletadas do Instagram, ele diz “Mano, olha isso”, enquanto a menina fica visivelmente incomodada com a situação.

A atitude de MC Gui repercutiu rapidamente na internet e já gerou fortes impactos para o artista. A marca Black Nine California, que vendia produtos licenciados do cantor, interrompeu as vendas. “Informamos que a partir de hoje não venderemos mais a marca do GUI ( G STYLE ). Nós da Black Nine não compactuamos com qualquer tipo de preconceito, muito menos quando se trata de uma criança indefesa. A direção”, informou a marca em nota.

Já uma escola de inglês que havia contratado um show do cantor para o dia 31 de outubro decidiu cancelar a apresentação. “Foi solicitado o cancelamento do show do cantor MC Gui. Reforçamos que qualquer situação que vá contra nossos princípios em nenhuma hipótese é aceita”, esclareceu a empresa em nota.

NOTA: HalloweenO CNA Idiomas Três Lagoas/MS através desse post, informa que foi solicitado o cancelamento do show do…

Posted by CNA Três Lagoas on Monday, October 21, 2019

O artista, então, decidiu postar um vídeo esclarecendo o ocorrido. “Eu encontrei uma família que estava fantasiada para curtir o Halloween no Magic Kingdom, eles estavam como personagens do ‘Monstros S.A.’ (…) e eu achei aquilo incrível, algo que eu nunca tinha visto em qualquer outro lugar. Então, eu fiz um vídeo. (…) Em todo momento eles estavam daquela forma que eu mostrei.”, afirmou. 

O cantor chegou a se desculpar, mas também pediu respeito àqueles que o estavam criticando. “Em momento algum eu pensei em fazer isso para atacar alguém ou fazer bullying, principalmente com uma criança. (…) Não sou uma pessoa de má índole, tenho família. A todos os artistas e influenciadores, é mais bonito me dar conselho, me ajudar. Não acho legal distribuir ódio na internet”, disse.

Claudia Baronesa, mãe e empresária do MC Gui, publicou um pedido de desculpas e disse que eles estão à procura da família da menina para que possam se retratar pelo ocorrido.

Na internet, através da hashtag #JullyPrincessInDisneyworld, brasileiros começaram uma campanha pedindo à Disney que convide a menina Jully e sua família para um dia no parque com tratamento VIP.

Comente com o Facebook
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Abrir chat
Como podemos ajudar?
Olá, como podemos ajudar?
Powered by