Homofobia: jovem é morto a facadas após ser chamado de ‘viadinho’ em bar no bairro de Fazenda Coutos

BNEWS – Um jovem identificado como Rodrigo Abreu Santos, de 23 anos, morreu nesta quarta-feira (6/11) após ficar cinco dias internado no Hospital do Subúrbio depois de ter sido esfaqueado em um bar localizado no bairro de Fazenda Coutos, em Salvador. O crime ocorreu na última sexta (1°) e, segundo familiares da vítima, foi motivado por homofobia.

De acordo com relato de testemunhas, Rodrigo, que era homossexual, estava dançando em um bar quando um homem começou a provocá-lo o chamando de “viadinho”. Após isso, o agressor começou a desferir golpes de faca contra o jovem que foi atingido no pescoço. Ele foi socorrido por populares para o Hospital do Subúrbio e morreu na manhã de quarta.

Conforme Giovanni Maria, mãe de Rodrigo, o sepultamento será realizado às 11h desta sexta (8), no Cemitério Municipal de Plataforma.

A reportagem entrou em contato com a Polícia Civil que informou que “inicialmente a 5ª Delegacia Territorial (DT/Periperi) estava apurando as informações passadas pela família. Com o óbito da vítima, o crime será investigado pela 3ª Delegacia de Homicídios (DH/BTS)”.

Até a publicação desta nota, o suspeito ainda não havia sido preso.

Comente com o Facebook
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com