Bahia registra 75 casos de feminicídio de janeiro a setembro; 10 deles foram em Salvador

POR: G1/BAHIA – A Bahia registrou 75 casos de feminicídio de janeiro até setembro deste ano, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). Um caso a menos que todo o ano de 2018.

De acordo com a SSP, do total de casos, 10 aconteceram na capital baiana e 3 na região metropolitana de Salvador. A secretaria ainda não tem o número atualizado entre outubro e dezembro. Nesse período, a reportagem da TV Bahia já noticiaram cerca de seis casos.

Este ano, a Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) do bairro de Brotas já registrou mais de 6 mil denúncias de agressão contra mulher. Os agressores geralmente são homens que não aceitam o fim do relacionamento ou a tentativa da mulher ter uma vida diferente.

Veja os casos;

No dia 20 de outubro, a vítima Suse Bonfim Oliveira, de 50 anos, foi morta a facadas no bairro de Paripe. O suspeito é o ex-marido, José Rocha, que foi preso dois dias após o crime.

Cerca de um mês depois, a estudante Elitânia da Hora, de 25 anos, foi morta a tiros na cidade de Cachoeira, no Recôncavo baiano. O suspeito é o ex-namorado dela, José Alexandre Silva, que já foi preso.

Ainda no mês de novembro, a estudante Rafaela Gomes, de 27 anos, foi encontrada morta em um lixão desativado da cidade de Irecê. Segundo a polícia, ela foi assassinada a mando do fisioterapeuta Alfredo Victor de Oliveira Mattos, na qual ela tinha um relacionamento.

No dia 3 de novembro, em Dias D’ Ávila, na região metropolitana de Salvador, a cabeleireira Ana Cristina Santos, de 31 anos, foi morta a tiros pelo ex-namorado, que era PM e cometeu suicídio após o crime.

Também em 30 de novembro, a vítima Edna Alves de Souza foi morta a facadas em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. O suspeito é o ex-namorado que chegou a ser preso, mas após passar por audiência de custodia, responde em liberdade.

Na madrugada desta segunda-feira (9), a vítima Nara Silva Assis foi morta a tiros pelo companheiro Manuel Santos Silva, no bairro de Itapuã. Segundo informações iniciais, o suspeito teria se matado logo após o crime.

Comente com o Facebook
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
Abrir chat
1
Entre em contato
Olá, como podemos ajudar?
Powered by