Prédio de quatro andares desaba em Narandiba; veja vídeo

Um prédio de quatro andares desabou no início da tarde desta quinta-feira (23/01) no bairro de Narandiba, em Salvador. De acordo com reportagem do Correio da Bahia, a Defesa Civil já havia condenado o imóvel que possuía 10 pavimentos na semana passada. Não houve feridos. 

O acidente aconteceu numa localidade próxima à estação do metrô do Imbuí, lado oposto à sede da Coelba, por volta das 12h. Segundo o diretor da Defesa Civil Sosthenes Macedo, houve uma ruptura da estrutura. “Nossa equipe esteve no local e notificou vários imóveis. Condenou todos eles. Graça a Deus não houve vítimas. Nossas esquipes estão no local para avaliar a situação”, diz Macedo. 

Outros imóveis ainda correm risco de desabamento. “É necessário que os moradores deixem esses imóveis, pois o risco de acidente é grande”, explicava Macedo. 

Chuviscava no momento do acidente. Houve um ruído muito alto quando o prédio começou a tombar. “Foi um barulho assustador mesmo. Eu estava na garagem quando minha filha me ligou. Ela percebeu o barulho e quando foi olhar da varanda, o prédio ficou inclinado. Depois ele desabou”, diz Anderson Carvalho, que mora a cerca de 100 metros de distância do prédio. De casa, ele vê a movimentação de Samu e Codesal. “Conhecimento não tinha (da irregularidade), mas dá para ver que são construções claramente irregulares”, afirma. 

Equipes do Corpo de Bombeiros estão no local. “Estamos com uma viatura de busca e salvamento e uma ambulância de primeiros socorros”, disse o tenente do Corpo de Bombeiros Osvaldo Lima.

Por meio de nota, a prefeitura informou que a Codesal isolou a área do prédio que desabou e que o que sobrou do imóvel será demolido pela Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), conforme solicitação da Defesa Civil.

Acrescentou ainda que a informação inicial é que as pessoas que moravam no imóvel eram locatários, já que o prédio pertencia a um particular que alugava os apartamentos, e que o imóvel estava condenado. “No último dia 20, o imóvel já havia sido condenado pela Codesal, pois apresentava patologias como fissuras e oxidação de armaduras, com risco alto de desabamento. Por conta disso, o órgão determinou a evacuação do prédio, que pertence a um particular”.

Comente com o Facebook
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com
Abrir chat
1
Como podemos ajudar?
Olá, como podemos ajudar?
Powered by