Filho de Cafu morre após passar mal em jogo de futebol

VEJA.COM – Danilo Feliciano de Moraes, filho mais velho do ex-lateral-direito Cafu, morreu na noite desta quarta-feira (04/09), aos 30 anos, vítima de um infarto. Ele jogava futebol na casa da família, em Alphaville, bairro de Barueri, na Grande São Paulo, quando se sentiu mal.

Danilo chegou a ser encaminhado para um hospital da região, mas sofreu uma parada cardíaca e não resistiu. A informação foi confirmada pelo ex-meia-atacante Paulo Sérgio, companheiro de Cafu na conquista do tetracampeonato da seleção brasileira em 1994 e amigo da família.

Ao longo da madrugada desta quinta-feira, São Paulo e Palmeiras, clubes pelos quais Cafu conquistou importantes títulos anos na década de 1990, postaram em suas redes sociais mensagens de solidariedade.

O ex-lateral-direito também teve passagem pelo Juventude no Brasil, além de ter atuado no futebol espanhol (pelo Zaragoza) e na Itália (por Roma e Milan).

Pela seleção brasileira, venceu duas Copas do Mundo (1994 e 2002 – a segunda como capitão) e, ao também jogar a final do Mundial de 1998, se tornou o único atleta da história que esteve em campo em três finais do torneio. Detém diversos recordes com a camisa “canarinho”, incluindo o de mais partidas disputadas, com 142 jogos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com