Ativista Sara Winter é presa pela Polícia Federal

Na manhã desta segunda-feira (15), a ativista bolsonarista Sara Fernanda Giromini, conhecida como Sara Winter, foi presa  pela Polícia Federal. A prisão foi decretada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes.

Neste sábado (13), o grupo ‘300 do Brasil’, liderado por Sara, foi retirado de um acampamento em frente ao Congresso pelo governo do DF, onde, em seguida, os manifestantes tentaram invadir o prédio do governo. Já neste domingo, o grupo teria se reunido em frente ao STF e lançado fogos de artifício contra o prédio. 

O Ministério Público Federal (MPF) enviou neste domingo, 14, um pedido de inquérito à Polícia Federal para investigar manifestação na qual grupo favorável a medidas inconstitucionais e antidemocráticas lançou fogos de artifício contra o prédio do Supremo.

A Polícia Federal informou que além da ativista, outros integrantes  do ‘300 do Brasil’ também foram presos.

Vale lembrar que Sara Winter também está sendo investigada, no inquérito das fake news, por ameaças contra ministros. As informações são do Notícias ao Minuto

Facebook Comments