Em jogo marcado por expulsões, Bahia leva 4 a 2 do City Torque

(ECBAHIA.COM) – O Bahia deu adeus à edição de 2021 da Copa Sul-americana nesta quarta-feira (26), com uma derrota por 4 a 2 em Pituaçu.

Com a derrota, o Tricolor dá adeus à Sul-americana em terceiro lugar do grupo B. O classificado é o Independiente, que venceu o Guabirá na última rodada.

O JOGO

Jogando em Pituaçu, a equipe tricolor abriu o placar logo no primeiro minuto de jogo após pressionar a saída de bola do Torque. O goleiro Guruceaga errou ao chutar a bola no peito de Thaciano. A bola foi rolada para Thonny Anderson, que balançou as redes.

Após abrir o placar, o Esquadrão sofreu com a pressão da equipe uruguaia, que chegou à virada ainda no primeiro tempo.

Aos 20 minutos, Dario Pereira driblou a marcação e exigiu grande defesa do goleiro Mateus Claus.

Já aos 24 minutos, o arqueiro tricolor nada pôde fazer na finalização do lateral-direito Pizzichilo, que aproveitou brecha deixada no setor esquerdo da defesa do Bahia.

O Tricolor passou a ficar com um a menos em campo após a expulsão do lateral-esquerdo Matheus Bahia, aos 28 minutos, que recebeu dois amarelos em faltas cometidas no atacante Dario Pereira.

Para repor a perda de um defensor, Dado Cavalcanti colocou Juninho Capixaba em campo na vaga de Thonny Anderson.

Aos 38 minutos, a virada do Torque aconteceu. José Álvarez deu passe para Scotto, na pequena área, completar para o gol vazio.

SEGUNDO TEMPO

Assim como na primeira etapa, o Esquadrão de Aço marcou gol no primeiro minuto de bola rolando. Desta vez, Patrick acionou Nino Paraíba, que driblou a marcação e fez um golaço chutando na saída do goleiro.

Logo após o gol, o próprio lateral-direito sentiu uma lesão e precisou ser substituído por Renan Guedes.

Se com um a menos estava difícil, com dois jogadores de desvantagem em campo ficou ainda mais. O zagueiro Conti atingiu Dario Pereira com o cotovelo e levou cartão vermelho aos 7 minutos.

A situação foi amenizada com a expulsão do goleiro Guruceaga, aos 19 minutos, foi entrada de carrinho em Capixaba.

A partir daí, o jogo ficou franco, com chances para os dois lados. Aos 24 minutos, Claus fez uma grande defesa com o calcanhar, evitando o que seria gol. Três minutos depois, Maycon Douglas perdeu grande chance após sair de frente com o goleiro.

O terceiro e decisivo gol do Montevideo aconteceu aos 31 minutos. Após jogada feita por Rak, Guzmán cabeceou na trave e, o meia Allende, no rebote, chutou para encaminhar a derrota do Esquadrão.

Nos acréscimos, Guzmán marcou o quarto gol do time uruguaio e deu números finais ao placar após aproveitar corte errado de Capixaba.

Facebook Comments Box
Translate »
error: Conteudo protegido!